domingo, 22 de setembro de 2013

Círculos quadrados



Não entendem, não têm formação suficiente, não vale a pena dar-lhes isto – paternalista.
Não usar conceitos, expressões, registo de linguagem que o auditório não compreenda – sensato (e com o manual de Filosofia, do antigo décimo ano, na mão).
Dizer o melhor, penetrar no singular, ousar dizer diferente, explorar matéria densa, homenageando e respeitando, decididamente, o celebrado (hoje) – está muito bem, mas não sei se as pessoas te vão perceber.
Escolher dizer menos que o possível, abaixo do melhor – comercial.
 
 

Sem comentários:

Enviar um comentário