sexta-feira, 16 de maio de 2014

Europeias: fora do mainstream


O Livre defende o não ao tratado de comércio livre com os EUA (sobre este tratado, pouco sabemos e nada se discute; passou completamente ao lado da pré-campanha e campanha até agora realizadas, para as eleições europeias, em Portugal; ontem, no debate entre candidatos à presidência da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, o candidato do PPE, disse ser a favor deste tratado, mas usou a adversativa para referir que têm que ser respeitadas, no entanto, em tal acordo, as normas europeias; o que isto significa, em detalhe, é que não é realmente explicado); o PNR advoga "medidas proteccionistas" europeias para pôr cobro ao "liberal-capitalismo nihilista"; o MRPP sustenta a saída de Portugal do Euro e o imediato regresso ao escudo.


Sem comentários:

Enviar um comentário