quinta-feira, 4 de setembro de 2014

O homem do momento





Quem conhecesse a agenda de cinema independente do Porto da última década e meia, sensivelmente, e a comparasse com a oferta hoje existente encontraria um abismo de diferenças. Para muito melhor, neste âmbito, o Porto de Setembro de 2014. Ciclos de autor bem sistematizados (de Pasolini a Yasujirô Ozu), comentários por quem é do metier, contextualização com outros eventos da cidade – Feira do Livro, ela mesma muito bem preparada -, enquadramento em vários espaços/zonas da Invicta. A par disto, o renascimento do Rivoli, por onde passará a dança e o pensamento, com preços muito atractivos, durante um ano. A revitalização da cultura, no Porto, não se deixa capturar por qualquer mantra, mas está a tornar-se numa realidade bem palpável. O homem do momento é Paulo Cunha e Silva.


Sem comentários:

Enviar um comentário