quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Trabalho





O trabalho, escusado será dizer, serve para ganhar dinheiro, mas não só. Serve para mais alguma coisa. É mais do que isso. O trabalho é, antes de mais, um investimento de si próprio sobre si próprio: afirma que a parábola humana é, essencialmente, abertura ao futuro, à descoberta, a toda a novidade que pode ser trazida ao mundo. É verdade que nós, seres humanos, somos simples administradores de um feudo que nos foi confiado, ou seja, a nossa existência, que não deve ser apenas conservada de forma tímida e medrosa: recebemos talentos, dons, espírito e inteligência que, pelo contrário, devemos fazer frutificar com ânimo e coragem.

Armando Matteo, Qual é o teu caminho? Em conversa com os jovens, Paulinas, 2014, p.22.


Sem comentários:

Enviar um comentário