segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Quem é (o) sábio (?)


Nisso, Sócrates mantinha-se fiel a uma velha tradição grega, que reservava o nome de sábio, não só para aqueles homens dotados de grandes conhecimentos teóricos, mas também (e, muitas vezes, sobretudo) para os que sabiam aconselhar os outros na difícil arte de viver.

Carlos Morujão, Racionalidade prática, in Ética. Dos fundamentos às práticas, coord. Maria do Céu Patrão Neves, Edições 70, p.64

Sem comentários:

Enviar um comentário