sábado, 24 de fevereiro de 2018

Escrito nas estrelas


Pareceu-me daquelas previsões com tudo para vir a confirmar-se. A jornalista São José Almeida, do Público, anunciou ontem, no Expresso da meia-noite (Sic notícias), que a médio prazo Fernando Medina, representando uma ala mais centrista, ou da direita do PS, e Pedro Nuno Santos, representando a ala esquerda do Partido Socialista, estarão condenados a enfrentarem-se numa futura disputa pela liderança do PS.

P.S.: por sua vez, neste Sábado, o Expresso aposta que também está escrito nas estrelas que Paulo Rangel e Luís Montenegro se vão defrontar em futura corrida à liderança do PSD. Diria que aí as certezas são menos: Rangel assumiu no último Congresso, no mais frouxo discurso seu em conclaves do género durante anos, aquilo que deixara escapar para os jornais, ou seja, a "travessia no deserto" partidária que o não se chegar à frente, quando muitos o reclamavam, para si implicou. E não me parece seguro que regresse já em 2019, data que muitos apontam para nova mudança de liderança no PSD.

Sem comentários:

Enviar um comentário